Escrito por Égueybê Rá Yam Tôalá  

Sex, 03 de Agosto de 2012 03:21
www.uthoi.com.br

 

Olá Crianças da Luz,

Em momentos outros apresentamos os detalhamentos das ocorrências para as próximas Eras nas variações das expansões dos raios a partir da propagação de mudanças no eixo centralizador da Via Láctea. Tal processo acontecerá em ressonância com a galáxia regenciadora Matriz constituída nos Superuniversos. Certamente é difícil compreender cada detalhamento estabelecido sobre a equação quântica Luz/Verbo de Deus. Buscando simplificar a compreensão de muitos, trata-se de um efeito de mudança de consciência que inclui, dentre outras coisas, crescer também espiritualmente.

Só que a voz de Deus não se configura como a suposta imaginação daqueles que investigam as partículas espalhadas por tudo que O pertence. A voz de Deus propaga-se pelos infinitos caminhos pertencentes ao Tronado do Absoluto e é inacessível racionalmente. Não há provas científicas de que assim seja. Tampouco importa se é o regaste quântico da compreensão possivelmente preocupada com o sofrimento coletivo nas divisas dos territórios, raças, espécimes e coisas. Quem assim procede acolhe os vícios de curiosidade e identifica velhos costumes pela dúvida de quais dimensões existem ou onde habitam os Mestres, Mentores e Amparadores. Querem saber as linhagens na freqüência dos Tronados e as variações dos Espíritos Luminais.

Certamente gostariam de uma prova inequívoca angular encontrada em meio a inúmeras pesquisas. Quereriam desvendar as características das inúmeras dimensões nas quais experimentaram a aprendizagem para saber sair do alimento sucessivo da estupidez social e organizacional. Tal alimento gira em volta dos dramas individuais para a coletividade e torna a se ancorar no período de reaprendizagem da pedra polida.

Escrito por Sérgio Ajabiim  
Ter, 24 de Julho de 2012 14:42


Inúmeras pessoas querem descobrir o caminho para elevar o equilíbrio de acordo com as particularidades pessoais ou espirituais, mas como é possível viver cotidianamente a sombra de cada dia se há inúmeras tendências holísticas de métodos e técnicas terapêuticas?

Baseadas em tal questionamento as hierarquias dos Orbes e Hostes apresentaram o método Eloim Reiki. É um conjunto de práticas e modos a fim de beneficiar gradativamente terapeuta e cliente conforme a realidade da situação encarnacional de ambos. Desta forma, os caminhos possíveis de auto-descoberta da verdadeira vontade de amar podem ser abertos a qualquer momento. O método é dividido em cursos modulares vinculados a um livro. Complementando esse material são repassadas canalizações que ampliam a compreensão, razão e fundamento de por que as pessoas vivem no planeta Terra.

O método Eloim Reiki possui ensinamentos que abrem o foco da consciência e expandem gradativamente o efeito da ascensão no encarnado. O primeiro deles é identificar a energia da origem de todas as coisas em combinação que tornam o ser humano um Voluntário da Luz de uma forma indescritivelmente complexa. Disso decorre o autoconhecimento de si de maneira ampla com plenitude de consciência das emoções, pensamentos e do Espírito a fim de garantir a centralidade física. Tal feito eleva a freqüência das dobras abaixo do corpo físico e ultrapassa a imaginação de atingir as inúmeras dimensões no intuito de resgatar a Memória Quântica. Para tanto é necessária a noção do refinamento do Espírito Matriz (freqüência dos Superuniversos), Submatriz do Espírito Matriz (freqüência galaxial), Fractal da Submatriz do Espírito Matriz (freqüência cósmica planetária) e Subfractal da Submatriz do Fractal da Submatriz do Espírito Matriz.

Escrito por Égueybê Rá Yam Tôalá  
www.uthoi.com.br


Olá Crianças da Luz,

À proporção que surge a potência do grotesco arquivo sutil da escuridão na mente, a inteligência exerce a prática como ginástica do ego. Provoca a não transcendência da alma pelo lado oposto dos filamentos fluxos que se interligam aos neurônios centrais sustentadores. Tais neurônios se vinculam ao programa dos cordões de Ouro, Prata e Divinal por meio das divisas dos raios que constituem a razão da raça humana encarnacionar em planetas diversos. Também se vinculam a inúmeros registros nos universos, entretanto, o Espírito Matriz não participa das referências em cada realidade oposta que desvanece a mente, a inteligência e o coração nas concepções e especulações mentais.

Todos os detalhes se enveredam pela diversidade da vontade humana, independentemente da sobreposição cultural, política ou tendência de culto intelectual religioso. Tal vontade justifica os resultados das mentes no teor individual de cada um e se confirma como preguiça não expressa ou manifesta no corpo. Em nenhum momento de qualquer linha do tempo é possível regredir, atravessar, enveredar ou saber o que existe no sistema do biouniverso para ativar a primitiva célula primata do corpo. Tampouco é possível conceituar cada estrutura genômica da teia a partir de qualquer ponto comum ou único ritualizado na obsessão de querer entender.

Qualquer que seja o nome da possível descoberta receberá a satisfação da razão da curiosidade entre os analfabetos. Também pode acontecer aos que não têm o oportunismo de assertividade sobre a potência principal da natureza que pode despertar a mente nos inúmeros produtos intitulados “matéria”. Sempre haverá o equívoco entendido como escuridão. É o que se conhece como força do subconsciente e não pertence ao produto da luz.

Escrito por Samanaã Thy Lhyiane Beloin'er   

Ter, 29 de Maio de 2012 02:05
www.uthoi.com.br

 

Inúmeras mães já não sabem dizer NÃO diante dos mercenários incentivadores e investidores metropolitanos tribais xamânicos urbanos. Provocam inspirações de miragens se lançando com os animais de poder no arremesso imaginário para reencontrá-los. Assim o fazem na arqueologia psicológica da consciência de uma suposta alquimia que esteja no patamar evolutivo das antigas pajelanças, a Força Indígena Verdadeira Tupi-brasileira.

Tais mercenários querem ser alquimistas do asfalto de alguma metrópole e se enveredam pelo não bruxismo discriminatório dos wiccanos vuduns vaticanos. Fazem planos para substituir as lembranças das proibições e perseguições do clero inquisitório que, no passado, alertava para a não aceitação dos eleitos que receberam condecorações. Era uma cinta de cetim largo negro com joia em forma de Espada Inflamada.

As condecorações serão substituídas pelas Damas Sagradas Poderosas dos Mestres fieis em todas as ocasiões. Elas estarão na presença dos democratas e republicanos patriarcas, que darão direito de escolha. Assim será mesmo que haja, no centro dos interesses opostos das aberrações espirituais, ao que possa consolidar com as variações de processos políticos. Gerarão variações de segmentos para existirem exercícios afins. Não será necessário haver discernimento para escolher as melhores ou menores de quaisquer castas por qualquer meio de qualquer classe. A escolha será pela que a mãe compartilhar e reconhecer as necessidades diante das castas fracas e incapazes.

Por vezes de algumas raras vezes poderá existir alguma mãe com sensível talento ou virtude para ser consorciada entre as não escolhidas de qualquer lugar nos vilarejos, vila, cidades, países e nações. Em sua maioria são escolhidas todas aquelas que buscam por certos pensamentos capazes de se unirem pela consciência do suposto AMOR, o que contradiz as variações de cada Dom. Em outra vertente alguns esperam e criam expectativa de que seja entregue outra virgem para ser a detentora passageira eleita pelo coletivo humano para ter o concepto Filho do Eterno.

Escrito por Égueybê Rá Yam Tôalá
Dom, 13 de Maio de 2012 02:13
www.uthoi.com.br

 

Olá Crianças da Luz,

Quem poderia conhecer o que esteja certo, garantindo a todos o que substitui o fundamento referente à transferência de CULPAS? Ou responsabilizar tão somente como obrigação de que Deus perdoa Tudo sistêmica e igualitariamente do mesmo modo que o Mestre Jesus (um canal alternativo pelo fato de que também perdoa e salva)?

Muitos de quase alguns dentre os ninguéns para alguém, dizem pelo não dito que existem supostos especialistas representantes de Deus. Por consciência dos vexames emocionais talvez digam que possuem consciência dos supostos pecados. Nivelam Deus com humano sentimento sem este seja sentimento humano. Fazem-no para que Ele perdoe a probabilidade de uma possível marginalização que as civilizações passadas executaram por meio de ações. Assim realizam para surgir como propósito que permeia o futurismo na transferência para as próximas gerações dentre inúmeras civilizações.

As realidades não possuem linhas paralelas por saldamento genômico!

A balança sustentável dos revolucionários educados na histologia de médios avais dos ontens – e que se envereda na pós-modernização arrogante de modelos obsoletos dos cultos "iluminatti" – sucumbirão no terceiro dia de captura deste milênio. Haverá no meio de alguns dos muitos o alguém que ninguém concluirá que é o verdadeiro expiador para exercer a isenção de culpas espirituais.

Escrito por Comandante Estelar Eloim Tronal Maresia do Orbe dos Arcanjos  

Ter, 01 de Maio de 2012 03:27

 

Olá Crianças da Luz,

Nos próximos dias, através dos ventos que serão envolvidos no efeito do eclipse, no passo a passo do pulso dos dias cronológicos e da trajetória do tempo, será fundido o giro-configuração nos sistemas estelares pela variação da inclinação das galáxias. Tais ventos serão ressonância para alinhar o sistema Matriz de Superuniversos que trará nova configuração pela imensidão dos sistemas cósmicos galaxiais planetários. Isso ocorrerá por dobras das supercordas distributivas em freqüências que se interligam aos eixos-vórtices estelares regenciais.

O ponto do Cruzeiro do Sul terá uma nova sombra que se revelará em cálculos binários e cruzará os portais dos conglomerados do sistema da Ursa Menor. Incidirão novas regras piramidais em forma de holograma no equador celeste. Pulsos de possíveis cálculos logarítmicos binários será o berço do novo calendário do tempo terráqueo e da circunvizinhança. Quando acontecer uma nova aparição de planetas, dentre eles será revelado o planeta Matriz-Terra regente.

Assim que habitarem os corredores ecológicos estelares se formará a abertura do portal no quadrante dos hostes e orbes por entre chuvas de raios do Cálice Dual Átomos Luz da Chama Trina Crística e os Átomos Luz da Chama Trina de Virgem Maria. Isso ocorrerá no giro da Fonte da Chama Trina Deus Pai-Mãe em potência propagativa através dos Eloins Engenheiros Cósmico-Planetários. Será feito em parceria com os Seres Arcanjos da Bainha da Espada dos quadrantes do Centro de Fogus dos Orbes do Centro Administrativo dos Conselhos do Sistema dos Arcanjos da Espada da Justiça de Deus. Com isso os signos dos sinais não serão mais interpretados por cartas astrológicas planetárias e muito menos por exortação dirigida pelo intelecto que pode identificar a minhoca familiar gigante de cada um.

Escrito por Égueybê Rá Yam Tôalá

Terça-feira, 10 de Abril de 2012 02:22

www.uthoi.com.br
 
Caros alunos, para melhor amplificação da qualidade de seu próprio DOM, ao terminarem de ler a canalização abaixo usem o símbolo pessoal com a rocha do Deva Pessoal orientada na iniciação do curso Eloim Reiki Cristaloterapia.
 
A qualidade de recepção será potencializada desde que tenha praticado os ensinamentos do curso Eloim Reiki Viajantes referentes à Meditação Visual.
 

Olá Crianças da Luz,

Diante do Conselho dos Seres Censores de Ajuste do Pensamento, que se configuram com os raios gerenciados desde os Orbes de sustentação por Eloins propagadores da expansão, configuram-se os Odús distribuidores por Tronados na linhagem de cada personalidade humana encarnacionada na freqüência do Sistema da Via Láctea.

Aplica-se às diferenças por encarnado a pérola da sabedoria empírica, conceito da manutenção sobre a luz da memória da espiritualidade. Ela permite gerar a energia que permeia o fator da resistência contendo a organização das funções que parecem ser silenciosas no estado Espírito Alma e Alma Espírito. É arquivo de refinamento na qualidade da Alma Persona para com o Espírito Aprendiz e corresponde como refinamento do giro encarnacional por freqüência em cada Corpo/Mente ressoando no estado interior o que for negligenciado. Mesmo que se seja disforme e limitado aos humanos, vocês não compreendem por si próprios a qualidade da sensação chamada solidão. Parece-lhes efeito autopunitivo que se transforma como castidade por não sentirem emocionalmente o que se entende que está ligado à conexão vibracional da própria Fonte Moroncial. Em tal fonte o conceito Yang e Yin possuem giro sobre o Tao e as freqüências vibram em mensuráveis formas fractais para o que há no Ser entre o Ter e o que possa Ser para poder Ter.

A vontade que se mistura com o desejo de desejar contém fundamentos de trocas energéticas por microrraios que parecem ser trajetos bizarros, insólitos raios. Dançam sobre a coloração da aura com pigmentações minúsculas. Fazem parte dessas partículas formas-pensamento quânticas que encobrem as recepções da Fonte Moroncial. Tais recepções transmutam e vibram muito rápido e movem cada detalhamento das coisas do Corpo, Mente e Ego.

Em outras questões associadas às questões propagativas por gerações os assuntos inacabados se misturam às competitivas regras da subserviência. Estão em volta da ação dos problemas, doenças, medos, pânicos, inseguranças, fobias, medos conhecidos e desconhecidos. Em todos os sentidos focam no retorno do que seja Espírito Aprendiz. Geram dúvidas até mesmo com a própria conexão da Alma Persona, que derrama compatibilidade por transferência do prazer de competição conforme aquilo que imaginam. O valor de outrem possui revelações melhores que não respondem suas próprias incertezas do que seja simples como ação de prática. Isto gera incredibilidade para qualquer coisa que queiram ser, fazer ou ter.

Mensagem para quem exigiu explicações holograficamente
 
Escrito por Sérgio Ajabiim
Segunda-feira, 05 de Março de 2012 05:17
www.uthoi.com.br
 
Olá Crianças da Luz,
Se investigarem as infinitas causas nos momentos que parecem ser avisos, antecipações turvas entre intuições, imaginações, sonhos, tragédias, fatos, realidades e repressões, ela são impressas por poucas evidências. Possivelmente são consolidadas na cola que não se cola entre os inúmeros desejos, caminhos, fantasias, verdades, realidades, ilusões, vaidades e situações póstumas. Seria acreditar nas reações psicossomáticas que se enveredam no próprio esconderijo de não conhecer a Si mesmo.
Não culpem o inconsciente, que por si todos desconhecem a consciência do inconsciente.
Não culpem as falhas, que faltam vir aos próximos de outro passado que não valem seguir para outras falhas.
Não culpem as decepções, congestões mentais nas insalubres verdades da própria imposição de se impor.
Entre as labaredas de querer acertar por outros de outros para Si, há o frenesi de corrigir o passado que não se passa pelas frustrações nas realizações de paixões sem conclusão de porque os tesões!
Excitações, incrementos acumulados de graus não realizados por um no meio de muitos outros. Tão Só na multidão incomum, sentem desconhecidos os próprios sentidos.
Quantos desejam contar... Para que contar o que não sabem contar daquilo que se não se conta, a verdade de algo que imaginam ter passado. Relatam as mesmas coincidências de situações que estavam no fundo do passado que se projeta na psique da imagem no quebra galho dos braços dos outros.
Amores partidos, amores feridos, amores consumidos, amores prisão. Conjuntos designados nas lembranças dos maus tratos. São quase fenômenos dos processos das psiques ameaçadas na excelência antecipada dos próprios perigos.
Déficit e condutas em forma de armas e couraças descortinam outra personalidade; elaboram outras funções com efeito de compensação.
Viciosos, não percebem que são viciados nos vícios dos desejos negados por si mesmos.
O realce será a conservação dos sentimentos da insatisfação implantados no outro para ensinar a suposta expectativa da própria solução de algo. Assim será àqueles que não Olá Crianças da Luz,

Escrito por Shiva Crisna Sualyon
Sexta feira, 03 de Fevereiro de 2012 01:25
www.uthoi.com.br
 
Olá Crianças da Luz,
Se reconhecêssemos o verdadeiro sentido do bem estranharíamos o distanciamento do sentido para quem possuir tendência de aceitação do mal.
Ninguém chegará pelo caminho que julga que chegou!
Quantas mães decidem dedicar toda atenção aos cuidados dos filhos para outros filhos que no futuro não se espera.
Inúmeras aceitações, emboscadas por entre sombras de outras atitudes negativas para se tornar o mal de Si.
Não culpe quem criou o que não desejou!
Há sentidos do bem cativado que não pertencem à escolha de quem optou pelo oposto do ponto definido, enveredando-se nas ressonâncias da insatisfação dos fatos que os centralizam.
Debulhar as nuanças do bem nem sempre culmina na mão de quem ruminou a esperança na Vida.
Seja mal... Talvez, esperar!
Passarelas, vaidades, paralelas, luxúria, riqueza, pobreza, miséria, gula, fome, competições, mudança de ponto de via que vive o oposto, aposta...
Não acendam velas para os que não prestam!
Pelos deuses! Quem terá a salvação?
Indecisão será esperar pela procissão.
A mãe da virgem morta, a porta, aborta...
Patrões, carros, caminhões, aviões
Caminhadas hesitantes
Freadas nas estradas pelas trilhas
Salta.

Recebemos de Oli Alexander Rocha da Silva, de Sapucaia do Sul, o lindo e comovente poema abaixo. Espero que vocês apreciem tanto quanto nós o apreciamos.

Fiquem na Luz!
Luiza
 
MAS TEU CORAÇÃO, NAS ESTRELAS...
 
O mundo aqui segue na esteira das lembranças.
O tempo passa, é certo, mas onde a distância?
Da tua luz a Imensidão fez o Seu farol.
Amarguras, tristezas, sempre há quem fazê-las
Mas teu coração, nas estrelas, surgiu.
Desperta agora como um sonho que sumiu,
Apenas para lembrar que não partiu.
 
Todo mundo no fundo sabe: a distância maior
É estar longe do próximo,
E, nas estepes da lonjura da proximidade,
Não importa o que penso,
Não importa o que faço.
Para a certeza da dúvida, basta um passo,
Estrelas faltam dentro, fora, em térreo ou terraço.
 
Menina Joyce, será que eu também te nasço
Enquanto me renasces com tuas palavras,
Douradas como a cor dos teus cabelos?
Amarguras, tristezas, sempre há quem fazê-las,
Mas teu coração, nas estrelas, em inspirar
Me diz:” se aceitas o bem, para ficar
Ele joga teu coração para o ar”.
 
A tua luz transcende e dissipa a escuridão.
A menina fala e, então, “calço” as palavras tais
Como se fossem calçados da empresa de seus pais[1].
A inteligência atravessada de luz
Tão gigante se conduz, chegando neste mundo qual tropel.
Aráutica existência, a sabedoria é seu véu
E lhe faz anel de ouro... no dedo do céu.
 
Quando houve a contemplação do teu desfalecer,
Um casal perdeu-se de seu próprio coração.
O céu rachou e o arco-íris derreteu.
Amarguras, tristezas, algo sempre há de trazê-las
Mas teu coração, nas estrelas, mui nobre e liso
Veio derramar um afago tão preciso,
E a mera vida fez-se plena... do teu sorriso.
 
João-Homem-Grande é teu pai[2].
Agasalhado ao manto de Mãe Maria[3],
Lida com o dia-a-dia dos corações que ficaram.
Racional e valente, é muralha contra a dor.
Mas por afeto e teu favor, que se acaloram,
Ele sabe que valentes homens também choram
Por filhas do amor, que tanto adoram.